quinta-feira, 31 de março de 2011

Jorginho vai montando a equipe que enfrentará o Noroeste

"O trabalho que estamos realizando e a confiança que o grupo adquiriu está fazendo a diferença neste momento", disse o volante Ferdinando.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Sem poder contar com o meia Henrique e o atacante Jael para a partida contra o Noroeste, às 16 horas de sábado, o técnico Jorginho aproveita os dias de treinamentos para fazer testes. O zagueiro Preto Costa já está praticamente recuperado e deve ser titular, Domingos deve atuar ao seu lado. Especulava-se que Domingos e Maurício formariam a dupla de zaga caso Preto Costa não tivesse condições de jogo, mas tudo indica que irá para a partida. Na meia, Fabrício deve ser titular ao lado de Ivo, sendo que Ananías também briga pela vaga. No ataque reside a maior dúvida, ao lado de Luis Ricardo o técnico Jorginho deverá escalar Kempes, mas é válido ressaltar que ele tem dado muita atenção ao jovem Pirajú.

Vale lembrar que Marco Antônio, recuperado de uma torção no tornozelo direito, e Gláuber, recuperado de uma contusão muscular na panturrilha esquerda, foram liberados pelo Departamento Médico e já voltaram aos treinamentos e podem ficar a disposição de Jorginho ainda na fase classificatória desse Paulistão. Glauber também ressaltou o retorno aos treinamentos. "Eu e o Marco estamos voltando antes do prazo estipulado anteriormente, então vamos trabalhar ainda mais para recuperar a parte física", declarou Gláuber.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Já Marco Antônio afirma que "por mim eu já jogo contra o Paulista, mas é preciso ter calma. Vou trabalhar para voltar o mais rápido possível". O atacante Tatá é outro que também já voltou aos treinos. Ainda vetado pelo Departamento Médico, o atacante que se recupera de uma contusão muscular na coxa esquerda, será submetido a um processo de readaptação física. Nesta semana, como de costume, Jorginho vem comandando treinos em dois períodos, visando tanto a parte técnica-tática como a preparação física dos jogadores.

  • Processo seletivo em Tocantins:
Dentre 500 jogadores, de 13 a 19 anos, avaliados por uma camissão técnica da Portuguesa enviada à Tocantins, 6 jovens ganharam a oportunidade de vir a São Paulo e irão realizar um estágio de 15 dias nas categorias de base da Lusa. "Fomos convidados pelas prefeituras de Palmas, Araguaína e Colinas para realizarmos essa seleção. Mais de 500 jovens participaram do processo e escolhemos seis para estagiarem conosco em São Paulo. Eles chegarão no final de abril e ficarão 15 dias treinando com o time principal da sua categoria", conta Edu Miranda, técnico do sub-20 luso.

  • Campanha "Eu Jogo Junto" surpreende diretoria:
A diretoria da Portuguesa se surpreendeu com a alta procura por parte da torcida à campanha "Eu Jogo Junto". Os torcedores podem comprar "cotas" de R$999,00 e ter seu nome estampado an terceira camisa da Lusa, que será lançada no meio do ano. Ao todo são 300 nomes por camisa, sendo que o primeiro lote já está praticamente esgotado. "Não podemos revelar esses números por conta de uma cláusula contratual, mas estamos satisfeitos com as vendas", comemora Fábio Porto, gerente de marketing da Portuguesa.

terça-feira, 29 de março de 2011

Memória Rubro-Verde: O inesquecível Armando Nogueira sobre o eterno Dener

Sei que grande parte da torcida da Portuguesa não gosta muito do jornalista Juca Kfouri. Reconheço que há muitos motivos para isso, principalmente pela maioria de suas opiniões sobre a Lusa serem quase todas negativas e pejorativas. No entanto, nesta terça-feira (29), Juca Kfouri postou em seu blog uma homenagem a Armando Nogueira, um dos maiores jornalistas e cronistas esportivos que esse país já viu, que falecia há um ano exatamente. Para homenageá-lo, Juca Kfouri postou um texto de Nogueira sobre Dener, na ocasião da morte do "Reizinho do Canindé".

Não pude deixar de reproduzir aqui o post de Juca Kfouri que, além de homenagear um dos maiores ídolos do Canindé, também homenageia um dos maiores cronistas esportivos que o Brasil já teve, se é que um dia terá outro igual. O cartoon abaixo foi feito por Fellipe Elias da Silva, colaborador do blog do Juca Kfouri. Confira abaixo o texto de Armando Nogueira:

Post retirado do Blog do Juca Kfouri:

Um ano sem o mestre...17 anos sem Dener

A morte silencia os pés de Dener.

Pés polêmicos. Angelicais.

Não o conheci pessoalmente. Conheço-o, apenas, de colossais cintilações com a bola. Vi-lhe, porém, mil vezes, o rosto na televisão. Tinha olhos de desenho animado. Redondinhos. Duas bolinhas de meia. Levemente, tristes. Olhar de drible. Dissimulado de quem pressentia um golpe traiçoeiro da vida. Morreu dormindo. Só assim mesmo: desperto, teria driblado o destino.

Desde Garrincha, ninguém driblou neste mundo com a graça e a audácia de Dener. Oferecia a bola, sonso e doce manjar. O rival, de bote armado. Infausta missão. Dener saía, fogoso, fagueiro, a versejar com a bola, sua musa. Ela, só dele. Se não era poeta, Dener jogava um futebol poético. Seus dribles hão de pulsar sempre no meu peito que, agora, se consome de tristeza.

É mais uma alegria que se vai do futebol. Como tantas que se foram noutros pés, agora, relembrados, com infinda saudade. Pés poéticos, que reiventaram a árida geometria do futebol. Quando o via a driblar e fintar meio mundo, eu me perguntava, morto de inveja: de que servem meus pés, se Deus não me ensinou a driblar como Dener?

Consola-me imaginar que o anjo que levou Dener deste mundo é o mesmo que alçou os pés de Garrincha, no vôo derradeiro.

Consola-me saber que, enfim, Dener está liberto de chuteiras, de escudos, de críticas, de palmas, de bandeiras. Consola-me, Dener, saber que driblarás, agora, sem tensão, no silêncio do teu céu. Como Canhoteiro, jogarás de pés descalços. Como Garrincha, peito nu. Intangíveis feito a tarde musical dos campos em delírio.

Três anjos do futebol celestial.

Confesso que tu partes, Dener, sem me ter feito um grande favor. Sempre esperei de ti que, um dia, ainda haverias de driblar, de uma vez, os dois times de um mesmo jogo: o teu e o dos outros; e que haverias de entrar, magnífico, com bola e tudo, nos dois gols, ao mesmo tempo. Porque tua bola, anjo Dener, sempre rolou acima do bem e do mal. Nem derrota, nem vitória. Só devaneio. Tua bola nunca foi a bola dos homens, que é meio de vida. Tua bola sempre foi e será a bola dos meninos, que é fantasia, apenas.

Teus troféus, que eu saiba, foram todos esculpidos no tempo e no vento. Na pureza da grama que florescia de teus dribles. Flor de tantas relvas por teus pés pisadas.

E porque me lembras outro menino, na efêmera eternidade de um drible, despeço-me de ti, com a mesma prece com que me despedi de Garrincha:

Onde quer que estejas, cuida bem de ti, porque, um dia, hás de voltar à brisa dos campos como a lua que volta ao pátio dos poetas.

Link: http://blogdojuca.uol.com.br/2011/03/um-ano-sem-o-mestre/

Jorginho terá uma semana inteira para preparar a equipe que enfrentará o Noroeste no sábado

"Estamos crescendo na hora certa e conquistando bons resultados. Nada melhor do que entrar em uma fase decisiva com a confiança que nossa equipe está mostrando agora", declarou Marcelo Cordeiro.

Foto: Elcio Mendonça/Lusa

Na próxima rodada a Portuguesa tem pela frente um confronto importantíssimo frente ao Noroeste, no Canindé. Para seguir na luta por uma vaga no G-8, o elenco rubro-verde não pode pensar em outro resultado que não seja a vitória. Enquanto a Lusa recebe a equipe de Bauru, penúltima colocada no campeonato, seus rivais pela vaga teoricamente também não têm adversários complicados. O Paulista de Jundiaí jogará contra o Mogi Mirim em casa, enquanto o Oeste irá ao Novelli Júnior enfrentar o Ituano. Vale lembrar que a Lusa ainda tem o Paulista pela frente, assim como o confronto de seus adversários diretos pela vaga na última rodada não são tão fáceis, o Oeste enfrentará o São Paulo em Barueri e o Paulista encarará o Santos na Vila Belmiro.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Leia Também:
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
No entanto, antes de pensar em combinações de resultados e confrontos diretos, a Lusa precisa vencer o Noroeste neste sábado. Para o importante confronto, o técnico Jorginho não terá a sua disposição o atacante Jael, expulso na vitória sobre o Mogi Mirim, e o meia Henrique, que cumprirá suspensão automática. Vale lembrar que o zagueiro Preto Costa saiu de campo lesionado, por conta de uma inflamação no tendão de Aquiles do pé esquerdo, no segundo tempo da última partida dando lugar ao jovem Diego, prata da casa. Preto Costa mostrou uma rápida recuperação e já treinou normalmente nesta segunda-feira (28). "Foi só um susto e estou feliz por ter voltado rapidamente, sem nenhum tipo de problema. Agora é trabalhar para estar inteiro no sábado", disse o zagueiro.

Confira no player de áudio abaixo o que dizem Ivo e Domingos sobre o confronto frente ao Noroeste no sábado e a expectativa de ambos quanto à classificação da Lusa:


O elenco luso retornou aos trabalhos na manhã desta segunda-feira (28), realizando um forte trabalho físico no Centro de Treinamentos. Vale lembrar que Jorginho terá uma semana inteira de treinos pela frente para ajustar e definir os substitutos de Henrique e Jael. Além disso, é sempre bom lembrar que Fabrício e Maurício retornam de suspensão e ficarão a disposição do treinador luso, que tem boas chances de escalá-los como titulares.

  • Flag da Lusa estreia no próximo domingo:
A equipe de Flag da Lusa estréia no Campeonato Paulista (Metrópolis Bowl) no dia 3 abril, às 10 horas, contra a equipe do Taubaté, no CT do Parque Ecológico do Tietê. Confira abaixo o planfeto de deivulgação do torneio:

Clique na imagem para ampliá-la!

segunda-feira, 28 de março de 2011

Como é bom torcer para um time com vontade de vencer

Sobre a determinação do time, a vitória em cima do Mogi Mirim e uma perspecitva para as próximas rodadas:


"Já estava praticamente me esquecendo de como é torcer para um time cujos jogadores entram em campo com raça, vontade, determinação e comprometimento. Fazia tempo que não ia assistir um jogo da Portuguesa com a convicção de que, por mais que a vitória pudesse não vir, os jogadores suariam a camisa até o último minuto, honrando a tradição que possui o manto que vestem. No último sábado vencemos, convencemos e tivemos em campo um exemplo daquele que, até então, é o maior feito de Jorginho desde sua chegada: conseguir devolver a vontade e a raça à uma equipe que, rodadas atrás, envergonhava nossa torcida em apresentações pífias, tanto na parte técnica como no comprometimento. Quantos de nós torcedores já não..."

Leia Mais:
http://pontape.net/portuguesa/2011/03/28/como-e-bom-torcer-para


-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Leia Também:
Resumo do Futebol Português: Sporting tem novo presidente, Seleção empata em amistoso e Vitória de Guimarães está na final da Taça de Portugal

sexta-feira, 25 de março de 2011

Fabrício e Maurício serão os desfalques em Mogi Mirim, Rafael Silva está à disposição

"Temos que pensar jogo a jogo. Não adianta pensar nas quatro partidas. Tem que eliminar um jogo por vez, sempre focando a vitória", disse o jovem Rafael Silva.

A Portuguesa volta a campo no próximo sábado, às 18:30, quando encara o Mogi Mirim no interior paulista. A Lusa voltará a jogar no estádio Romildo Ferreira, o antigo Wilson de Barros, que agora recebe o nome do pai de Rivaldo, jogador do São Paulo e presidente do Mogi Mirim. Vale lembrar que a Rubro-Verde já atuou naquele estádio neste ano, no empate sem gols contra o Ituano, que tem o Novelli Júnior passando por reformas. O confronto é válido pela 16ª rodada do Paulistão, que entra em sua reta final. A Portuguesa tem quatro jogos pela frente e está 2 pontos atrás do G-8.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Vale ressaltar que a Lusa enfrenta o Mogi Mirim fora de casa neste sábado, depois recebe o Noroeste no outro domingo no Canindé, vai encarar o Paulista em um confronto direto em Jundiaí uma semana depois, e fecha sua participação na fase classificatória do Estadual contra o São Bernardo, no dia 17/04, no Canindé.

Para esse confronto contra o "Sapão da Mogiana", o técnico Jorginho não poderá contar com as presenças do ala/meia Fabrício e do zagueiro Maurício, ambos suspensos por terem recebido o terceiro cartão amarelo no empate sem gols contra o Santo André na última quarta-feira. Ainda vale lembrar que tanto Marco Antônio quanto Gláuber seguem vetados pelo Departamento Médico. "Perdemos dois pontos em casa e agora temos que recuperá-los fora do Canindé. Acreditamos nisso e penso que podemos fazer uma boa partida", afirmou o meia Henrique.

Foto: Fernanda SO/Lusa

As mudanças mais prováveis, devido às ausências, em relação à equipe que enfrentou o Santo André são a entrada de Jaime na zaga, no lugar de Maurício, e de Ivo na meia, ao lado de Henrique. Ananías também briga pela posição, mas vale lembrar que Ivo entrou bem na última partida. Além disso, Jorginho pode também escalar Rafael Silva, que vinha sendo titular na equipe rubro-verde e agora já está recuperado, com condições de jogo. Rafael Silva pode entrar no ataque ao lado de Jael, sendo que Jorginho o elogiou muito na coletiva após o empate sem gols com o Santo André.

Para esse confronto em Mogi Mirim, a Federação Paulista de Futebol escalou Wilson Luiz Seneme como o dono do apito, a ser auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse e Luis Alexandre Nilsen. Os assistentes de linha de fundo serão Marcelo Rogério e Thiago Duarte Peixoto. Thiago Silva Egidio será o quarto árbitro da partida.

  • Equipe de Flag da Lusa estreia no Campeonato Paulista:
Do site oficial da Portuguesa, por José da Cunha:

A equipe de Flag da Lusa estréia no Campeonato Paulista (Metrópolis Bowl) no dia 3 abril, às 10 horas, contra a equipe do Taubaté, no CT do Parque Ecológico do Tietê.

Esse torneio é organizado pela Associação Pró-Futebol Americano (APFA) no módulo Conferência Metropolitana, que conta com seis equipes: Portuguesa, Palmeiras, São Paulo Rhynus, Salto e Cronos. O outro Módulo, o Caipira, conta com sete equipes. Compareça e incentive a equipe de Flag da Lusa.

quinta-feira, 24 de março de 2011

Não há vontade que supere a falta de qualidade

Sobre Portuguesa 0x0 Santo André:


"Em meu texto sobre a goleada da Portuguesa pra cima do Mirassol na rodada anterior, fiz questão de frizar a postura da Lusa antes de abrir o placar, aproveitando uma falha absurda da zaga adversária. Por quê fiz questão de enfatizar aquilo? Pois o início daquele jogo, e até grande parte do primeiro tempo, demonstraram claramente a maior fragilidade de nosso time, a principal deficiência técnica de nosso elenco no momento. Essa mesma fragilidade técnica foi responsável por esse empate sem gols com o Santo André. Simples: quando os adversários conseguem fazer uma boa marcação, a Portuguesa está liquidada. Não fosse aquela..."

terça-feira, 22 de março de 2011

Em time que ganha não se mexe: Lusa recebe penúltimo colocando visando entrar no G-8

"A vitória sobre o Mirassol foi importante, mas já ficou para trás. Agora é focar o Santo André e tentar vencer a qualquer custo para colar ainda mais no G8", afirmou o atacante Jael.

Nesta quarta-feira, às 19:30, a Portuguesa recebe o Santo André no Canindé em busca de mais uma vitória visando entrar no G-8 do Campeonato Paulista. Dos próximos cinco jogos da Rubro-Verde, três serão realizados no Dr. Oswaldo Teixeira Duarte. Para se classificar às quartas-de-final da competição estadual, a Lusa precisa - no mínimo - vencer todas as partidas que ainda tem a disputar no Canindé. Para esse primeiro dos três confrontos sob seus domínios, a Lusa não terá desfalques em comparação à equipe que goleou o Mirassol no último final de semana.


O técnico Jorginho não deve mexer na equipe. A escalação titular deve ser a mesma do último sábado, com a permanência do 4-4-2. O treinador luso elogiou bastante a postura da equipe na última rodada, frizando que foi a melhor partida realizada pelo time sob seu comando. Marco Antônio e Gláuber seguem como baixas. Mesmo sem o mesmo tempo para treinamento que da semana passada, Jorginho comandou um trabalho regenerativo pela manhã e um treino técnico de posse de bola pela tarde de segunda-feira. Já na tarde de terça, Jorginho preferiu trabalhar a posse de bola em campo reduzido.

Vale lembrar que a equipe que entrou em campo no último sábado foi composta por: Wéverton; Marcos Pimentel, Maurício, Preto Costa e Marcelo Cordeiro; Ferdinando, Guilherme, Henrique e Fabrício; Luis Ricardo e Jael.

Para esse confronto entre Lusa e Santo André, a Federação Paulista de Futebol escalou Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral como o dono do apito, a ser auxiliado por Daniel Paulo Ziolli e Maria Eliza Correia Barbosa. Os fiscais de linha de fundo serão Robinson Andréa de Góes e Edson Pavani Júnior. Neste Paulistão, Rodrigo Guarizo apitou as vitórias da Lusa sobre Oeste e Americana, ambas por 1 a 0 e realizadas no Canindé.

Há que se ressaltar que a Lusa está há 3 pontos do G-8. Oeste e Paulista (7º e 8º colocados, respectivamente) possuem 21 pontos, sendo que a equipe de Jundiaí recebe o São Paulo no Jayme Cintra, e a equipe de Itápolis vai ao Pacaembú enfrentar o Corinthians. Enfim, em caso de vitória sobre o Santo André, a Portuguesa tem grandes chances de entrar no G-8 ainda nessa rodada.
  • Lusa busca talentos em Tocantins:
Segundo informou o jornalista Renato Pereira em seu blog, o Blog da Portuguesa, parte da comissão técnica da Lusa está no Tocantins à procura de novos talentos para o clube. Jovens, com idade entre 15 e 19 anos, podem participar de três seletivas. A primeira seletiva ocorre nessa quarta, 23, no Estádio Nilton Santos. Na quinta é a vez de Colinas, no Estádio O Bigodão, e na sexta-feira, pela manhã, serão observados os jogadores de Araguaína, no Tiba. A participação da Portuguesa nessa seletiva faz parte do projeto “Caça Talentos”, organizado pela Prefeitura de Colinas do Tocantins.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Os novos uniformes e a campanha "Eu Jogo Junto"

"Não esperava ser homenageado desta maneira. Fico muito feliz por ter sido lembrado porque eu levo a Portuguesa a todo lugar que vou. É um orgulho voltar a vestir essa camisa. Vivi momentos inesquecíveis na Portuguesa e hoje tive a oportunidade de recordar tudo isso", declarou Badeco, ídolo da Portuguesa homenageado na apresentação dos novos uniformes.

Na manhã desta segunda-feira, em um evento realizado no Salão Nobre do clube, a Portuguesa apresentou oficialmente sua nova linha de uniformes 2011/2012, fornecida pela Penalty, à torcida e à imprensa. Aqueles que acompenham o blog já conheciam os novos modelos das camisas da Lusa desde o final da semana passada. Os uniformes, especificamente as "golas em V," remetem ao passado da Rubro-Verde, mais precisamente a vitoriosa década de 1970.

Foto: Marcelo Ferrelli/Gazeta Press

A gola das camisas, assim como a maioria dos detalhes das mesmas, lembram as camisas daquela época. E não foi só na camisa que a Portuguesa fez lembrar essa década gloriosa, o ídolo Badeco esteve presente, desfilou com o novo manto rubro-verde e foi homenageado no evento que também marcou a apresentação do novo logo da Penalty. Ainda sobre os uniformes, no caso o principal, a Lusa volta a usar meiões listrados em rubro-verde, fazendo alusão à 1996.

Inspiração para a gola das camisas

Alguns jogadores do elenco tiveram um dia de modelo, desfilando com o novo fardamento rubro-verde. Os goleiros Wéverton e Juninho, e os jovens Jaime, Guilherme e Rafael Silva foram os jogadores presentes no evento. Além deles, a "Gata" da Lusa no Paulistão, Karina El Kurdi, também marcou presença. Vale lembrar que a camisa principal é a tradicional rubro-verde listrada, a segunda camisa é a branca com finas listras verdes e vermelhas. Os uniformes amarelo e preto ficam a cargo dos goleiros, assim como o uniforme de treino leva a cor laranja.

Veja algumas fotos do evento abaixo, clique nas imagens para ampliá-las:

Badeco, ídolo da década de 1970

O jovem Guilherme com o uniforme nº2

Wéverton com o uniforme de goleiros nº1

Juninho com o uniforme de goleiros nº2

O zagueiros Jaime com o uniforme de treino

Karina, a "Gata" da Lusa no Paulistão

O Departamento de Marketing da Portuguesa aproveitou a apresentação da nova linha de uniformes da Lusa para divulgar a campanha "Eu Jogo Junto". O time luso disponibilizará no novo terceiro uniforme, com lançamento previsto para julho, 300 espaços que serão preenchidos em marca d´água com nome dos torcedores. Dependendo da demanda de patrocinadores até o Campeonato Brasileiro esse número poderá ser aumentado. O primeiro lote de 300 unidades, que dará direito a um nome de pessoa física com até 20 caracteres, será vendido pelo valor de 999 reais cada cota, sendo possível parcelar o pagamento pelo cartão de crédito.

"É algo inovador no futebol brasileiro. Quem nunca imaginou ter o seu nome escrito na camisa do clube de coração? É uma forma de jogar junto com o time e ajudar financeiramente o clube. Nossa expectativa é a melhor possível", explicou Fábio Porto, gerente de marketing. Os nomes estarão presentes tanto nas camisas de jogo (que serão utilizadas em algumas partidas da Série B), como nas que serão comercializadas em lojas. O lançamento oficial do "Eu jogo junto" será nesta terça feira (22), e será possível se inscrever através do site www.eujogojunto.com.br.

domingo, 20 de março de 2011

O que faltou no campeonato inteiro…


"A goleada da Portuguesa por 4 a 1 sobre o Mirassol praticamente livrou a Rubro-Verde do rebaixamento, se esse era o pensamento de Jorginho, e ainda aproximou-a do G-8, dando uma sobrevida à equipe que, dos restantes 5 jogos, disputará 3 no Canindé. A verdade é que o futuro da Lusa nessas derradeiras rodadas será decidido após o jogo da próxima quarta-feira, contra o fraco Santo André, no Canindé. Essa goleada sobre o Mirassol deu um novo ânimo à torcida rubro-verde. No entanto, prefiro me apegar àquilo que Jorginho disse após o jogo: não adianta golearmos por 4×1 e na próxima partida sermos goleados por 3×0 (Botafogo e Santos). A verdade é que a Portuguesa mostrou..."

Leia mais: http://canelada.com.br/portuguesa/o-que-faltou-no-campeonato-inteiro/

sábado, 19 de março de 2011

Portuguesa 4x1 Mirassol - É só ter vontade de vencer

Na tarde deste sábado, no Canindé, a Portuguesa goleou o Mirassol por 4 a 1, reencontrou o caminho das vitórias e voltou a encostar no G-8 do Paulistão. O técnico Jorginho apostou em um esquema tático mais ofensivo e o que se viu em campo foi uma equipe com uma postura completamente diferente, mostrando equilíbrio em todos os setores. O primeiro tempo foi mais disputado, com o Mirassol fechando-se no campo defensivo e dificultando as ações lusas. Porém, na segunda etapa a Portuguesa voltou com tudo e acabou goleando o time interiorano que, rodadas atrás, era líder do campeonato.



Jorginho abriu mão do 3-5-2 para escalar a equipe no 4-4-2. Jaime ficou no banco, com Maurício e Preto Costa na dupla de zaga. Marcos Pimentel ficou pela direita, com a volta de Marcelo Cordeiro à esquerda. Ferdinando e Guilherme formaram a dupla de volantes, com Sopa voltando ao banco. Na armação, Fabrício e Henrique. O ataque ficou a cargo de Jael e Luis Ricardo, que ganhou uma oportunidade e não desperdiçou a chance que teve.

No início do jogo já se percebia nitidamente a postura de ambas as equipes dentro de campo. O Mirassol veio ao Canindé para se defender, com todos os seus homens posicionados atrás da linha da bola, só aproveitando os contra-golpes. Já a Lusa dava sinais de que buscava a vitória, mas no início do primeiro tempo esbarrava na forte marcação da equipe interiorana. Perante uma equipe muito fechada, Fabrício e Henrique eram marcados individualmente, comprometendo a armação e criatividade do time luso.


Foto: José da Cunha/Lusa

O primeiro gol rubro-verde aconteceu aos 23 minutos, em uma jogada de profundidade pela esquerda, quando Luis Ricardo recebeu a bola livremente dentro da área e, contando com uma falha do zagueiro Dezinho, dominou e mandou para o fundo das redes. O segundo gol luso foi marcado por Jael, de pênalti, aos 33 minutos. Gustavo Bastos havia derrubado Marcelo Cordeiro dentro da área. Porém, apenas 4 minutos depois, o árbitro marcou falta inxistente de Ferdinando em Gustavo Bastos dentro da área lusa, pênalti. Xuxa descontou para os visitantes.

Na saída para o intervalo Jael dizia aos repórteres aquilo que foi a tônica lusa no jogo e que foi responsável pela boa atuação do time, principalmente no início do segundo tempo: vontade. Aos 11 minutos do segundo tempo, Luis Ricardo tocou de calcanhar para Jael que, dentro da área, deu um bonito giro e finalizou com mestria, um golaço. Apenas 3 minutos depois, Henrique caiu pela esquerda, invadiu a área, puxou para a perna direita e fuzilou no canto direito baixo do goleiro Fernando Leal, mais um belo gol luso para selar a goleada rubro-verde.

No restante do jogo, a equipe do interior paulista tentava atacar desordenadamente em busca do gol. A Portuguesa soube administrar o resultado e o técnico Jorginho ainda poupou alguns dos principais atletas da partida. Vale ressaltar o equilíbrio apresentado pelo time nesse jogo, em todos os setores, defesa, meio-campo e ataque. Também vale lembrar que Ferdinando, Luis Ricardo e Jael fizeram uma excelente partida. No entanto, a tônica do jogo foi uma só: vontade.

Agora, a Portuguesa enfrenta o Santo André na próxima quarta-feira, às 19:30 no Canindé.

Ficha Técnica:

Campeonato Paulista 2011 - 14ª rodada
Estádio do Canindé (São Paulo) - 19/03/2011
Árbitro: Luiz Vanderlei Martinucho
Assistentes: Bruno Salgado Rizo e Risser Jarussi Corrêa
Cartões amarelos: Ferdinando e Fabrício (PORTUGUESA) Fabinho Capixaba (MIRASSOL)
Gols: Luis Ricardo, aos 22 minutos do 1º tempo, e Jael, de pênalti, aos 34 minutos do 1º tempo e aos 11 minutos do 2º tempo, e Henrique, aos 14 minutos do 2º tempo (PORTUGUESA) Xuxa, de pênalti, aos 36 minutos do 1º tempo (MIRASSOL)

PORTUGUESA
Weverton; Marcos Pimentel, Maurício, Preto Costa Marcelo Cordeiro; Ferdinando (Ademir Sopa - 28/2T), Guilherme, Henrique (Ananias - 42/2T)e Fabrício; Jael (Kempes - 30/2T) e Luis Ricardo
Técnico: Jorginho
Resevas: Lúcio, Jaime, Rafael Silva e Ivo

MIRASSOL
Fernando; Fabinho Capixaba, Gustavo, Dezinho e Diego (Renato Peixe - 30/2T); Jairo, Magal, Xuxa e Esley; Serginho (Marcelinho- 17/2T) e Wellington Amorim (Reinaldo Alagoano - 13/2T)
Técnico: Ivan Baitello
Reservas: Fernando, Luiz Henrique, Samuel e Otacílio

sexta-feira, 18 de março de 2011

Jorginho aposta em mudança de esquema tático para vencer o Mirassol no Canindé

"Estamos trabalhando para reverter essa situação, e peço para que a torcida nos ajude", declarou o volante Ferdinando.

O técnico Jorginho, como este blog vem informando desde o início da semana, aproveitou o bom tempo de treinamentos que teve para testar a equipe em um esquema mais ofensivo, saindo do 3-5-2 e apostando no 4-4-2. Com tal esquema, um dos três zagueiros que estão atuando como titulares deixará a equipe. O mais provável é que Jorginho saque Maurício e deixe Jaime e Preto Costa formarem a dupla de zaga. A maior dúvida segue mesmo no setor de meio-campo.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Vale lembrar que o treinador luso ainda não poderá contar com Marco Antônio, que se recupera de uma grave torção no tornozelo direito, assim como não terá a sua disposição o volante Gláuber, reavaliado pelo Departamento Médico e afastado após detectar-se uma lesão muscular na panturrilha da perna esquerda. Por outro lado, Ferdinando retorna à equipe após cumprir suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo no empate sem gols diante do Ituano na última rodada.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Leia Também:
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------

Jorginho pode deslocar Fabrício para o meio-de-campo, voltando a escalar Marcelo Cordeiro na lateral-esquerda. Porém, o recém-chegado Ananías, que ainda não atuou como titular, tem grandes chances de ser aproveitado pelo treinador luso nessa partida frente ao Mirassol. Com isso, poderemos ver Ananías fazendo dupla com Henrique na armação, ou até com Fabrício, no caso do retorno de Marcelo Cordeiro. "Estamos aproveitando esses treinamentos para realizarmos alguns testes, mas ainda não definimos o time. Não descarto mudanças", avisou Jorginho.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Já Ananías explicou que "sempre atrapalha um pouco pelo entrosamento (chegar ao clube durante a temporada), mas com o tempo você vai conversando e se entrosa com o pessoal. Eu já joguei algumas vezes no Canindé, mas agora pela Portuguesa quero estrear com o pé direito. Precisamos vencer para subir na tabela e espero que o torcedor nos empurre".

Para esse confronto entre Lusa e Mirassol, às 16 horas deste sábado, no Canindé, a Federação Paulista de Futebol escalou Luiz Vanderlei Martinucho como dono do apito. Ele será auxiliado por Bruno Salgado Rizo e Risser Jarussi Corrêa. Os assistentes de linha de fundo serão Magno de Sousa Lima Neto e Leomar Oliveira Neves . Clique nos nomes dos árbitros para conferir suas fichas completas.

  • Retrospecto de Portuguesa x Mirassol:
Total de jogos: 5
3 vitórias da Portuguesa
2 empates
0 vitórias do Mirassol
9 gols da Portuguesa
4 gols do Mirassol

  • Apresentação dos novos uniformes:

A apresentação da nova linha de uniformes da Portuguesa, fornecida pela Penalty, acontecerá na próxima segunda-feira, às 11 horas, no Salão Nobre do clube. Além dos jogadores do atual elenco, ex-jogadores da Lusa estarão presentes no evento. Aproveitando o ensejo, a diretoria lusa divulgará oficialmente a campanha "Eu Jogo Junto", uma iniciativa para a implementação do projeto sócio-torcedor na Portuguesa.

  • Lusa dá sequência a projeto de revitalização do Canindé:
Do site oficial da Lusa:

Após reformar totalmente os vestiários do futebol profissional (tanto o da Lusa, como o do visitante), deixando-os com "Padrão FIFA", a Rubro Verde agora dá início aos trabalhos no vestiário utilizado pelas categorias de base.

Foto: Assessoria de Imprensa da Portuguesa

As obras, que estão em ritmo acelerado, deverão ser concluídas até o início do Campeonato Brasileiro, marcado para o dia 20 de maio. A intenção da diretoria lusitana é deixar o Canindé com três vestiários de qualidade e disponíveis para serem utilizados em dias de jogos, além de melhorar a estrutura de trabalho da base verde encarnada.

"Nós, aos poucos, estamos melhorando o nosso estádio. Hoje podemos nos orgulhar de ter um dos mais modernos vestiários do país, e agora queremos que nossos jovens possam disfrutar da mesma qualidade", declarou o presidente da Lusa, Dr. Manuel da Lupa.

O próximo passo do projeto é a revitalização dos alojamentos e do refeitório utilizado pelas categorias de base.

quinta-feira, 17 de março de 2011

Objetivo principal: uma incógnita desde o início do Paulistão


"Restam 6 jogos para o término da primeira fase do Campeonato Paulista. No Canindé, a Lusa ainda disputa 4 partidas. Jorginho deixa transparecer que, para ele, fugir do rebaixamento é a realidade e o objetivo principal. Os jogadores, pelo menos nas entrevistas e não dentro de campo, demonstram que ainda buscam a classificação. O pensamento de simplesmente não cair, não é muito conformista para os padrões da Portuguesa?

Ou a classificação é muito ilusória e é preferível que se seja realista? Nosso objetivo no campeonato é uma incógnita desde o início do Paulistão. De qualquer modo precisamos vencer esses jogos em casa, sendo que Jorginho dá sinais de que mudará o esquema tático da equipe. O que seria melhor? Em primeiro lugar..."

Grêmio diz que Globo fechou com 11 clubes para exibir Brasileiro

De Hector Werlang, no IG:

O presidente do Grêmio, Paulo Odone, afirmou nesta quarta-feira que a Rede Globo já acertou com 11 clubes a compra dos direitos de transmissão dessas equipes nos Campeonatos Brasileiros de 2012, 2013 e 2014. O clube gaúcho foi o primeiro a anunciar o acerto com a emissora, ignorando a concorrência do Clube dos 13, vencida pela RedeTv!. A empresa foi a única a apresentar proposta.

Odone classificou o acerto com a Globo como "ótimo", mas não revelou os valores. O contrato assinado nesta quarta-feira inclui venda dos direitos de TV aberta, TV fechada, internet, pay-per-view, telefonia e publicidade estática.

"Tanto que há outros clubes, mais de dez, acertados. Os quatro do Rio de Janeiro e o Corinthians estão nesta situação. Por transparência, eu oficializei”, afirmou.

O iG apurou que os 11 clubes fechados com a Globo são: Flamengo, Fluminense, Vasco, Botafogo, Palmeiras, Santos, Corinthians, Portuguesa, Cruzeiro, Grêmio e Coritiba. O acerto dos clubes é um duro golpe no C13. No contrato da entidade com a Rede TV! há uma clausula que diz que o acordo só valerá se os 20 filiados assinassem o documento.

“Os jogos do Grêmio serão transmitidos apenas pela Globo. Se o Internacional, por exemplo, não fechar, não haverá transmissão de Gre-Nal”, exemplificou Odone.

O dirigente não revelou o valor que o Grêmio receberá pelo contrato válido para as edições de 2012, 2013 e 2014 do Brasileirão – até este ano, o clube gaúcho recebia R$ 24 milhões por ano. Disse não temer nenhuma sanção do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), que obrigou o C13 a retirar o ágio de 10% ao qual a Globo tinha direito na disputa pelos direitos e que procurou a Record, outra emissora interessada, sem sucesso.

"Marcamos uma reunião, mas o dirigente não veio a Porto Alegre. Estou esperando até hoje", disse o presidente gremista.

Gremista fala em fim do C13

Odone não oficializou, mas indicou a saída do Grêmio do C13. Segundo ele, é preciso criar uma Liga Nacional de clubes, que decida desde o calendário até os direitos de transmissão das partidas.

“Esperamos que qualquer fim que tenha o Clube dos 13 se defina civilizadamente. Os clubes devem caminhar para a Liga Nacional, algo mais maduro. Acho que os cacos do Clube dos 13 não poderão ser unidos”, afirmou.

O atual número 1 do C13 é Fábio Koff, ex-presidente do Grêmio. Em entrevista ao iG na quinta-feira, o cartola, que dirigiu o clube por duas vezes, chegou afirmar que Paulo Odone tomou a decisão por "inveja" e vingança política.

“Não há quem seja mais contestado em um clube de futebol do que aquele que ganhou. Todo o dirigente que entra, entra para alcançar o que o outro já conseguiu e mais. Não é por ciúmes. Ciúmes quem tem é mulher. É por inveja do outro, mesmo”, afirmou.“Eu apoiei outro candidato na eleição do clube e ele (Odone) está me dando o troco. Tudo bem!", completou.

------------------------------------------

Além do Grêmio, Globo já fechou com outros dez clubes para o Brasileirão, diz jornal

Da ESPN Brasil:

Não é só o Grêmio que fechou contrato com a Rede Globo de Televisão para ter suas partidas dos Campeonatos Brasileiros de 2012, 2013 e 2014 transmitidas pela emissora, como foi confirmado pelo próprio clube gaúcho na última quarta-feira. Segundo reportagem publicada na edição desta quinta da Folha de S.Paulo, outras dez agremiações do país já acertaram com a Globo, e a expectativa é de que esse número aumenta nos próximos dias.

De acordo com a Folha, ao todo já são 11 clubes que assinaram com a emissora, atual detentora dos direitos de transmissão do Brasileirão. A Globo deve fechar até esta sexta-feira com mais duas ou três equipes, totalizando 13 ou 14 clubes até o final da semana. Um deles é o Corinthians, que deve selar o acordo ainda nesta quinta.

O Grêmio foi o primeiro clube a anunciar de forma oficial o acordo com a emissora. Pelo contrato, o clube gaúcho vai receber R$ 47 milhões por ano. De luvas, serão pagos R$ 30 milhões, a serem descontados nos quatro anos de contrato com a emissora. No último acordo, o Grêmio recebia algo em torno de R$ 22 milhões.

Na última sexta-feira, a Globo e a TV Record, antes apontadas como as favoritas na disputa pelos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro, decidiram não participar da licitação feita pelo Clube dos 13. Única emissora a apresentar proposta para a TV aberta, a RedeTV! foi declarada, então, a vencedora, mas na prática isso pouco vale. Os clubes já vêm negociando em separado com as outras emissoras.

Liga de clubes – Na entrevista em que anunciou o acordo com a Globo, o presidente do Grêmio, Paulo Odone, também sinalizou o apoio do clube do Rio Grande do Sul à possível criação da liga nacional de clubes do Brasil, antigo projeto do Clube dos 13 que acabou sendo abandonado com o passar dos anos. “Os clubes devem caminhar para a liga nacional, algo mais maduro. Se quiserem meu apoio para isso, terão”, disse Odone.

quarta-feira, 16 de março de 2011

Entre a classificação e o rebaixamento, Lusa decidirá seu futuro no Paulistão dentro do Canindé

Faltando seis rodadas para o término do Campeonato Paulista, a Portuguesa tem pela frente uma sequência de jogos teoricamente a seu favor, já que quatro dessas partidas serão disputadas no Canindé. Os dois próximos jogos, por exemplo, acontecem no estádio luso, no próximo sábado contra a surpresa do campeonato Mirassol e na próxima quarta-feira contra a decepção Santo André. No entanto, até então, sob seus domínios a Lusa só somou 7 pontos (duas vitórias e um empate) em 18 disputados.

Foto: Fernanda SO/Lusa

O técnico Jorginho, ao final do empate sem gols com o Ituano no último final de semana, quando perguntado sobre o que achava necessário à equipe para voltar a vencer em casa e aproveitar essa sequência de jogos no Canindé, afirmou que só o trabalho no dia-a-dia pode surtir alguma mudança nesse sentido, mas destacou que as partidas no estádio luso são muito importantes, assim como o apoio da torcida, ressaltando que acredita que os torcedores que decidirem ir ao estádio precisam apoiar a equipe.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Leia Também:
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Sobre a torcida, o goleiro Wéverton afirmou que "para reverter a situação só interessa a vitória. É mais um jogo que seremos cobrados pelo torcedor e merecemos essa cobrança pois estamos deixando a desejar em alguns aspectos. Com certeza a vitória será o remédio para todos esses problemas". Quanto à situação da Lusa no campeonato e essa sequência de jogos no Canindé, o atacante Luis Ricardo frizou que "é uma situação complicada, mas ainda temos quatro jogos no Canindé. Temos que usar isso a nosso favor para reagirmos".

Porém, quando questionado sobre a luta da Portuguesa para chegar ao G-8, o técnico Jorginho já disse que "chegar ao G-8 é um sonho, fugir do rebaixamento é uma realidade". Por outro lado, os jogadores ainda afirmam estar lutando pela classificação e aparentemente acreditam nela, como o jovem Rafael Silva: "Nós temos que vencer para voltar a encostar no G8. Não podemos deixar escapar essa chance. Respeitamos o Mirassol, mas não podemos mais perder pontos, ainda mais em casa".

Foto: Fernanda SO/Lusa

Para a partida do próximo sábado, às 16 horas no Canindé, na manhã da segunda-feira o preparador físico Renê Carlos comandou um trabalho físico com os jogadores que não atuaram na última partida. "Esse tipo de trabalho é importante para dar movimentação aos jogadores que não jogaram. É preciso deixá-los no mesmo nível do restante do grupo porque eles poderão ser chamados para o próximo jogo", explicou Renê.

Já na manhã desta terça-feira, Jorginho comandou um trabalho tático frente ao elenco no CT do Parque Ecológico, visando a posse de bola em campo reduzido e o posicionamento defensivo. Já no período da tarde, os jogadores realizaram um trabalho físico sob o comando de Omar Feitosa, no vestiário, na academia e no campo, com atividades de baixa, média e alta intensidade. O plantel foi dividido em dois grupos. Enquanto uma parte trabalhava na academia, com exercícios de musculação para fortalecimento muscular, o restante realizava trabalhos de piques curtos e arrancadas.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Após esse trabalho inicial, todo o plantel realizou corrida em torno do gramado durante vinte minutos para exercitar a musculatura. Enquanto isso, quatro dos cinco goleiros que estão a disposição de Jorginho realizaram um treinamento em separado com o preparador Alex Gregório por uma hora e meia. "Os goleiros precisam ser ágeis, mas sem descuidar da parte técnica. Misturo esses dois tipos de treinamentos para que os goleiros saibam mesclar agilidade com explosão", explicou Alex.

Nesta quarta-feira ela manhã, o elenco realiza um trabalho técnico no CT do Parque Ecológico do Tietê. Já no período da tarde, treino tático no Canindé.

segunda-feira, 14 de março de 2011

A linha 2011 da camisa mais bonita do Brasil

O site oficial de vendas da Portuguesa, o Lusa Mania, divulgou nesta segunda-feira a nova linha de camisas da Lusa para o restante da temporada 2011. O lançamento oficial da nova linha de uniformes lusos, que ainda serão confeccionados pela Penalty, acontecerá no próximo dia 21. Veja abaixo os novos mantos sagrados da Rubro-Verde:

Clique nas imagens para ampliá-las!

  • Complementando a informação dos clássicos:
No último final de semana eu divulguei aqui no blog um post meu que, dentre outros assuntos, tratava das quatro derrotas lusas em seus quatro clássicos no ano. Naquele post eu escreví que não me lembrava disso ter acontecido antes e realmente não havia como eu me lembrar. O comentarista da Rádio Tupi e profundo conhecedor da história da Lusa, Antônio Quintal, fez um levantamento e concluiu que a última vez em que a Portuguesa não somou sequer um ponto em clássicos foi há 82 anos atrás. Pasmem caros lusitanos, 82 anos!! Preciso comentar mais alguma coisa?

Lusa: cada vez mais difícil de se ver


“Chegar ao G-8 é um sonho, fugir do rebaixamento é uma realidade”. Essa frase foi dita pelo técnico Jorginho momentos antes do fraquíssimo jogo contra o Ituano em Mogi Mirim. A reprodução da frase não é ipsis litteris, mas quase isso, foi igualmente realista e direto. Nosso técnico disse uma verdade que nos está clara desde o início do campeonato. Com a qualidade de nosso elenco, com o futebol que estamos apresentando, com nossa posição na tábua de classificação e com nossas atuais perspectivas para as próximas rodadas, qualquer ponto conquistado a mais do que o necessário para não cair é lucro..."


domingo, 13 de março de 2011

Ituano 0x0 Portuguesa - Jogo difícil de se assistir...

Na noite deste domingo a Portuguesa foi a Mogi Mirim, já que o estádio Novelli Júnior passa por reformas, enfrentar o Ituano e acabou empatando sem gols. Perante um público de 100 torcedores no interior paulista, Lusa e Ituano protagonizaram uma partida muito fraca tecnicamente. A Portuguesa iniciou a partida criando a espectativa de que partiria para cima do time de Itú, porém, viu os rubro-negros crescerem na primeira etapa, criando mais chances que a Rubro-Verde. Na segunda etapa, a Lusa conseguiu criar mais chances de gol, mas pecou demais nas finalizações.

Foto: José da Cunha/Lusa

Jorginho não podia contar com o zagueiro Domingos, os volantes Ferdinando e Gláuber e o meia Marco Antônio. O treinador luso apostou novamente no 3-5-2, com Jaime, Maurício e Preto Costa na zaga. Fabrício permaneceu na ala esquerda, com Marcos Pimentel pela direita. O meio-campo contava com Guilherme e Sopa na dupla de volantes e Henrique na armação. Jael tinha a companhia de Rafael Silva no ataque.

Logo no início do primeiro tempo a Portuguesa dava sinais de que mostraria um futebol mais ofensivo, tomando as iniciativas da partida. Porém, a qualidade da Lusa foi caindo conforme o tempo foi passando. As melhores chances da primeira etapa foram criadas pelo Ituano, mas mesmo assim, o que se viu foi um primeirto tempo muito fraco tecnicamente. Ambas as equipes valorizavam muito a marcação, com homens de defesa congestionando o meio-campo, de onde ambos os times não conseguíam sair.

Para a segunda etapa, Jorginho sacou Rafael Silva, que pouco fez, e colocou Luis Ricardo. A Portuguesa, por incrível que pareça, ganhou mais movimentação no jogo. Logo nos primeiros minutos, Pimentel caiu pela direita e lançou para a entrada da área, Jael furou e, vindo de trás, Fabrício finalizou levando muito perigo. Já aos 10 minutos, Luis Ricardo caiu pela direita e cruzou para Jael que, dentro da área, finalizou a gol e, desviando no zagueiro, facilitou o trabalho do goleiro rubro-negro.

A única grande chance do Ituano aconteceu aos 19 minutos, quando Anderson Salles cobrou falta da intermediária e acertou a trave esquerda do goleiro Wéverton. A Portuguesa ainda criou algumas boas chances e as desperdiçou. A melhor dessas chances parou na trave, aos 39 minutos, quando Jael, da pequena área, fuzilou para o gol acertando o travessão do goleiro Marcelo.

Agora, a Portuguesa enfrenta o Mirassol, no Canindé, às 16 horas do próximo sábado.

Ficha Técnica:

Campeonato Paulista 2011 - 13ª rodada
Estádio Romildo Ferreira (Mogi Mirim) - 13/03/2011
Árbitro: Salvio Spinola Fagundes Filho
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Anderson de Moraes Coelho
Público: 100 pagantes
Renda: R$1.142,00
Cartão amarelo: nenhum

ITUANO
Marcelo Bonan; Rodrigão (Marx Ferraz - 33/2T), Gerson e Anderson Sales; Éder, Adoniran, Júnior Urso, Jefferson (Leomir - 25/2T) e Alex Cazumba; Leandrinho (Alan - 22/2T) Malaquias
Técnico: Ruy Scarpino

PORTUGUESA
Weverton; Jaime (Kempes - 36/2T), Maurício e Preto Costa; Marcos Pimentel, Guilherme, Ademir Sopa, Henrique (Ananias - 27/2T) e Fabrício; Rafael Silva (Luis Ricardo - intervalo) e Jael
Técnico: Jorginho

sábado, 12 de março de 2011

Retrospeto, tabú e asa negra


"Após a derrota no clássico contra o Santos, três coisas vieram a minha cabeça, todas ligadas a retorspecto, tabú e "asa negra". Em primeiro lugar, não lembro que ver a Portuguesa perder todos os clássicos que jogou em uma mesma edição do Campeonato Paulista. Em segundo lugar, olhando para essa próxima rodada, temos o Ituano pela frente, nossa eterna "asa negra". E pra piorar a situação, e aí já entra uma certa implicância minha, vamos jogar em Mogi Mirim, e não em Itú. Sempre que ouço falar e/ou lembro de Mogi Mirim, só tenho péssimas recordações quanto ao estádio de lá. Vamos por partes..."

sexta-feira, 11 de março de 2011

Lusa se prepara para enfrentar o Ituano em Mogi Mirim

"Não há outra coisa a fazer senão vencer todos os jogos que teremos pela frente. Esse é o nosso pensamento para buscar a classificação", Marcos Pimentel.

Para enfrentar o Ituano, eterna "asa negra" da Portuguesa, o técnico Jorginho não poderá contar com o volante Ferdinando, suspenso pelo terceira cartão amarelo, e com Marco Antônio, ainda no Departamento Médico. Para a posição, o jovem Guilherme e o recém-recuperado de lesão Gláuber disputam a vaga. A partida acontecerá em Mogi Mirim, já que o estádio Novelli Júnior, em Itú, passa por reformas. De resto, a equipe que entrará em campo às 18:30 do próximo domingo pode ser a mesma que enfrentou o Santos caso o treinador opte pela manutenção do 3-5-2.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Após a quarta derrota no quarto clássico do ano, o elenco rubro-verde reapresentou-se na tarde de quinta-feira. Como de costume, os titulares do jogo de quarta-feira realizaram um trabalho regenerativo no Canindé enquanto os reservas participaram de um jogo-treino contra a equipe sub-20 da Lusa, no CT do Parque Ecológico. Na noite desta quinta, Jorginho aproveitou para analisar a equipe do Ituano na partida que realizaram contra o São Paulo. "Assisti o jogo. É um time que volta todo, se defende bem, e joga explorando os contra ataques", analisou Jorginho.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Já nesta sexta-feira o elenco treinou em dois períodos. Pela manhã, um treino técnico e tático no CT, onde o treinador deu ênfase a um trabalho de posse de bola ofensiva. "Acho que já melhoramos na questão do posicionamento, mas é preciso evoluir em outros aspectos. Temos que melhorar a movimentação e a questão dos passes. Erramos muitos passes e, se arrumarmos isso, iremos crescer na criação", ressaltou Jorginho.

Já na parte da tarde, o elenco foi submetido a um trabalho físico no Canindé. "Aproveitamos hoje para realizarmos uma nova avaliação física do grupo. É importante ter uma noção exata do rendimento individual de cada atleta", declarou o preparador físico Omar Feitosa após os treinos desta sexta-feira. Na manhã deste sábado o elenco realiza um trabalho tático no CT e segue rumo a Mogi Mirim.

Foto: Divulgação

Para a partida entre Portuguesa e Ituano, no próximo domingo às 18:30, a Federação Paulista de Futebol escalou Salvio Spinola Fagundes Filho como o dono do apito. Ele será auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Anderson de Moraes Coelho. Os auxiliares de linha de fundo serão Robinson Andréa de Goés e Marco Antonio de Oliveira Sá.

  • Leia Também (Futebol Português):
Porto vence na Rússia, Benfica vira na Luz e Braga surpreende de novo

E a Lusa, como fica nessa história?

Com o Clube dos 13 desfacelado e agora praticamente sem força e respaldo algum, qual será o futuro da Lusa (que estava alinhada ao C13) na muito provável negociação direta com a Tv Globo? Complicou...

Da ESPN.com.br:

Record desiste de licitação do Brasileiro e deixa C13 ainda mais esvaziado

A Record tratou de deixar ainda mais controversa a discussão sobre os direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro em TV aberta para o triênio 2012-2014 ao anunciar, na manhã desta sexta-feira, que está fora da licitação feita pelo Clubes dos 13, que representa os 20 principais clubes do país e que 'rachou' por conta de divergências entre seus membros.

"A Rede Record vem a público informar que apoiava o modelo de negociação dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro no triênio 2012/2014 proposto pelo Clube dos 13 em acordo com o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). Mas, infelizmente, a concorrência dividiu o C13. A entidade ficou fracionada em clubes que defendiam o processo iniciado com a carta convite, agremiações que pretendiam negociar os direitos em separado e aqueles que vieram a público pedir a total desvinculação do processo e do agrupamento", informou a emissora.

A decisão da Record esvazia e mina ainda mais o Clube dos 13, que vive um processo de dissolução após clubes como Corinthians e Flamengo, principais chamadores de audiência e donos das maiores torcidas do país, liderarem uma 'revolução' na qual acabaram seguidos por importantes membros, como Cruzeiro, Grêmio, Botafogo, Fluminense, Vasco e Coritiba na decisão de negociarem de forma independente os direitos do Nacional. Até então, isto era feito sob o guarda-chuva da entidade.

São Paulo, Atlético-MG e Internacional, este último sem se posicionar publicamente, seguiram fiéis ao Clube dos 13 e optaram pela discussão em conjunto. É presciso lembrar que por trás desta escolha também há interesses políticos, já que o presidente são-apulino, Juvenal Juvêncio, por exemplo, não tem boa relação com o mandatário da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, favorável à continuidade da TV Globo como principal transmissora do Nacional.

A emissora carioca já havia decidido anteriormente por não participar da licitação. Agora, do que é conhecido publicamente, apenas a RedeTV! segue na licitação oficial da TV aberta cujo resultado está programado para esta sexta-feira.

  • Veja abaixo a íntegra do comunicado da Record:

"A Rede Record vem a público informar que apoiava o modelo de negociação dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro no triênio 2012/2014 proposto pelo Clube dos 13 em acordo com o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica).

Mas, infelizmente, a concorrência dividiu o C13. A entidade ficou fracionada em clubes que defendiam o processo iniciado com a carta convite, agremiações que pretendiam negociar os direitos em separado e aqueles que vieram a público pedir a total desvinculação do processo e do agrupamento.

Alguns clubes, antes de ouvir qualquer proposta por parte da Record, já indicam que têm acordos pré-acertados com outra emissora. Os responsáveis por estes acordos que prejudicam os torcedores, clubes e patrocinadores devem vir a público para revelar como foram as negociações e qual o valor acertado previamente, sem concorrência, sem transparência e baseados nos mesmos princípios que ajudaram a reduzir o poder dos clubes, prejudicaram o faturamento das agremiações, limitaram a exposição de patrocinadores e impuseram horários estranhos para a prática do futebol, além de transformar o mais popular esporte do País num mero exportador de talentos. Diante desta atitude a Record informa que não aceita participar de um jogo com cartas marcadas.
O quadro, neste momento, gerou incerteza jurídica. Diante disso, não há convicção de que a proposta vencedora tenha os direitos de transmissão dos jogos de todos os clubes. Há ainda a possibilidade de que uma agremiação possa abandonar o C13 enquanto o contrato ainda estiver em vigor. Assim, a Record decidiu não apresentar proposta ao Clube dos 13.

A emissora volta a manifestar seu desejo de participar da concorrência democrática, caso os clubes entrem em acordo, garantindo estabilidade jurídica a quem apresentar a melhor proposta. E, se os clubes desejarem seguir numa negociação em separado, a Record reafirma que pretende apresentar propostas com padrões de transparência e regras claras.

Mais uma vez, esta é a forma que a Record encontra para contribuir com a evolução e o desenvolvimento do futebol brasileiro, proporcionando uma transmissão de primeira do esporte preferido da nação.

São Paulo, 11 de março de 2011.
CENTRAL RECORD DE COMUNICAÇÃO"

quinta-feira, 10 de março de 2011

Admite-se zagueiros, urgentemente!


"Vamos falar a verdade. Essa derrota para o Santos era pra lá de previsível, em primeiro lugar pela qualidade técnica de nosso elenco, e em segundo pelo futebol que a Lusa vem apresentando. Contra o Botafogo a equipe foi diferente, marcou em cima, encurtou espaços, adiantou a marcação. Mas cá entre nós, existe uma séria diferença entre o Santos e o Botafogo, e eu escreví isso por aqui após aquela vitória. Não poderíamos nos iludir.

Ao mesmo tempo em que entendo que o Santos é muito superior ao nosso time, tanto na qualidade técnica como pelo modo de jogar, assim como entendo a genialidade de Neymar, também não acho que isso fez a diferença no jogo. Com uma defesa minimamente competente, a derrota poderia ter sido evitada..."

Santos 3x0 Lusa - Resultado de uma defesa inexistente...


terça-feira, 8 de março de 2011

A música venceu!! Parabéns João Carlos Martins!!

"Mesmo se a Portuguesa fosse caindo, caindo, e chegasse a um campo de várzea. Se eu estivesse passando na Marginal e visse o time da Portuguesa, eu iria até o alambrado gritar: Lusa! Lusa!", maestro João Carlos Martins ao Loucos por Futebol (clique aqui e confira), da ESPN Brasil.


Com o enredo "A música venceu!", a Vai-Vai emocionou todos os presentes no sambódromo do Anhembi no primeiro dia dos desfiles das escolas de samba de São Paulo. Uma das mais tradicionais escolas da capital paulista, a Vai-Vai homenageou a música clássica por meio de um dos mais ilustres torcedores da Portuguesa, o maestro João Carlos Martins, um dos maiores maestros do Brasil e o maior intérprete de Bach do mundo.

Não há como se falar de João Carlos Martins sem falar de sua enorme paixão por futebol, em especial pela Lusa. Como de costume por onde passa, o maestro fez com que o nome da Lusa marcasse presença na transmissão do carnaval paulista.

Confira abaixo o samba-enredo da Vai-Vai:



Emocionado com a homenagem mais do que merecida, João Carlos Martins não escondeu as lágrimas durante o desfile. A Vai-Vai, maior campeã do carnaval paulistano com 14 títulos, inovou no desfile e o maestro "regeu" a bateria da escola pela pista do sambódromo. Na tarde desta terça-feira, em uma disputa acirrada, a Vai-Vai sagrou-se campeã do carnaval paulistano pela 14ª vez.

Veja a festa da campeã e um trecho da homenagem ao maestro:



O Blog Sangue Rubro-Verde não poderia deixar de registrar uma homenagem tão bonita e merecida a João Carlos Martins, esse exemplo de superação e que deveria servir de exemplo a todos os brasileiros. Um homem que não pode e não deve sair de cena, tem que ser sempre reverenciado e reconhecido por seu talento, sua força e a esperança que deixa transparecer a todos.

Se não bastasse tudo isso, o maior maestro desse país, quiçá do mundo, é torcedor da Portuguesa. Um dos mais ilustres lusitanos, não cansa de levar o nome da Lusa a todos os lugares por onde passa, tem orgulho de ser lusitano, de ter sangue rubro-verde. Parabéns João Carlos Martins, continue iluminando todos a sua volta e levando esperança a quem precisa!!

Confira abaixo o exemplo de superação do maestro:


Após reencontrar caminho da vitória, Lusa tenta se afirmar em clássico contra o Santos

"A vitória sobre o Botafogo nos deu ainda mais confiança, e penso que podemos ter uma boa atuação no clássico", declarou o atacante Rafael Silva.

Para o clássico desta quarta-feira de cinzas, às 21:50 na Vila Belmiro, contra o Santos, o técnico Jorginho contará com o retorno do volante Guilherme, que cumpriu suspensão automática na goleada sobre o Botafogo no último sábado. Vale lembrar que o zagueiro Domingos ainda está se recuperando de uma forte pneumonia, o lateral-direito Paulo Sérgio, que se recuperou de uma contusão no joelho esquerdo, ainda aprimora a parte física e Marco Antônio ainda deve ficar no Departamento Médico por um bom tempo.

Foto: Fernanda SO/Lusa

Após a vitória no último final de semana, em Ribeirão Preto, Jorginho afirmou que ao usar o 3-5-2 naquele jogo não assegurava que o esquema fosse mantido para as próximas rodadas. Portanto, fica a dúvida principalmente quanto ao meio de campo luso. Porém, tudo indica que a equipe titular a ser escalada por Jorginho no clássico deverá ser a mesma que goleou o Botafogo no último sábado.

Os relacionados para o clássico são: Wéverton e Juninho; Fabrício, Marcelo Cordeio e Marcos Pimentel; Jaime, Maurício e Preto Costa; Ademir Sopa, Ferdinando, Gláuber e Guilherme; Ananías, Henrique e Ivo; Jael, Kempes, Luiz Ricardo e Rafel Silva.

Na manhã desta segunda-feira (07), o elenco realizou um trabalho regenerativo, visando a preparação física. Já no período da tarde, Jorginho comandou um treinamento técnico. Na tarde desta terça-feira o elenco realiza seu último treinamento, no Canindé, quando Jorginho definirá a equipe que mandará a campo na Vila Belmiro.

Foto: Federação Paulista de Futebol

Para o clássico desta quarta-feira, a Federação Paulista de Futebol escalou Vinicius Furlan como o dono do apito, que será auxiliado por Guilliano Neri Colisse e Fabio Rogério Baesteiro. Os auxiliares de linha de fundo serão Marcelo Aparecido de Souza e Sérgio da Rocha Gomes. Clique no nome dos árbitros para conferir suas fichas completas.